terça-feira, 25 de setembro de 2012

TRE abre linha de investigação por suposta manipulação de pesquisa


Em Natal, o juiz da propaganda eleitoral, José Dantas, abriu linha de investigação para apurar suposta manipulação de pesquisa. Na semana passada, pelo menos cinco institutos divulgaram seus números em diferentes órgãos de comunicação. Os números ficaram distantes de pesquisa a pesquisa.

O juiz eleitoral deve se pronunciar oficialmente e é provável que ele revele o nome do ou dos institutos que estão sendo investigados.

O que ocorre em Natal não é diferente do que acontece em Mossoró e em toda parte do Rio Grande do Norte. Mas, em Mossoró, é pior. Nos último final de semana foram quatro pesquisas diferentes, com números supostamente distorcidos devido a diferença entre os resultados divulgados.

Para se ter ideia, teve instituto apresentando uma margem de erro de quatro pontos, o que é inadimissível.

Veja bem: numa margem de erro de quatro pontos, é possível mexer em oito, para cima ou para baixo. E oito pontos em Mossoró envolve universo de quase 15 mil eleitores. Absurdo.

E assim os institutos e seus contratantes continuam brigando com a boa-fé das pessoas. A justiça eleitoral, até aqui, não se sente provocada para investigar as distorções dos números e suas motivações.

Do Blog: E por falar em pesquisa manipulada, circula boatos na cidade que está pintando a divulgação de  uma por aqui, inclusive já se fala até nos números, e que diga-se de passagem, totalmente fora da realidade. Será um verdadeiro tiro no pé.

Fonte: Olho D'Água em dia via Patu 24 Horas

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário