quarta-feira, 13 de julho de 2011

TJ decreta ilegalidade da greve dos professores

Do site do jornal O Mossoroense

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN) acatou o pedido do Governo do Estado e decretou nesta quarta-feira (13) a ilegalidade da greve dos professores da rede estadual de ensino. Foi determinado ainda o retorno imediato dos profissionais à sala de aula.

As informações foram divulgadas pela assessoria de imprensa do Governo, por intermédio da rede de microblog twitter. Caso a decisão não seja obedecida, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte-RN) será punido com multa diária de R$ 10 mil por dia.

O Sinte-RN está em greve há 56 dias.

Veja as mensagens divulgadas nesta manhã:

"TJ acata pedido do Governo e decreta ilegalidade da greve dos professores e retorno imediato dos professores a sala de aula"

"TJ acata pedido do Governo e caso decisao nao seja obedecida Sinte sera punido com multa de 10 mil reais por dia"

"Miguel Josino esclarece ao pleno do TJ que o Estado nao pretende descontar os dias parados"

"Procurador Geral diz que a acao exige a reposicao de aulas por isso nao e necessario descontar os dias parados"

Nota do Olhar Messiense: Ficamos tristes em saber que nem o direito de fazer greve nosso professores tem. Fica o nosso lamento e o questionamento: até quando irá durar essa #DitaduraCiarlini?

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário