sábado, 10 de julho de 2010

Bolsa!

Uma das marcas da atual administração da Prefeita Shirley Targino na educação Messiense foi a implantação da Bolsa de Estudo, beneficiando diversos estudantes carentes que residem nas Casas de Estudantes. Sedo um boa ajuda que diretamente ameniza alguns dos muitos problemas passado por esses jovens na luta por um futuro mais digno! 

Mas, desde quando vem sendo paga (ainda no primeiro mandato), a mesma passa por problemas de atraso de pagamentos, hoje a bolsa se encontra com 2 meses atrasada.

"É complicado a forma como a bolsa esta sendo paga, não é agradável ficar recebendo a cada dois meses, já que é assim que a prefeitura nos pagam. Seria interessante se houvesse a regularização da bolsa", comentou Heloisa Dantas, aluna do 2º ano no Colégio Estadual do Atheneu Norte-Riograndense e residente da Casa da Estudante de Natal.

Segundo Edino Praxedes, morador da Casa do Estudante de Mossoró e estudante do 4º período de Direito da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN): “o que mais nos prejudica é a inconstância concernente a data do pagamento da referida bolsa, esperamos que essa questão seja solucionada, e creio, sinceramente, que logo será”.

A última vez que a mesma foi paga, foi após os festeiros do 08 de Maio, sendo quitados os meses referentes a fevereiro, março e abril.

Gostou da Postagem?

2 comentários:

  1. Todos sabemos do poder que os estudantes possuem, por isso não devemos ficar de braços cruzados,limitando-se apenas a publicação, essa situação é incômoda e inconsistete ,conforme temos que manifestar nossos direitos e se dedicar de corpo e alma sem medo de repressária a essa luta justa, só assim conseguiremos obter êxito em nossos propósitos.

    ResponderExcluir
  2. De fato...primeiro passa ja foi dado...com esta publicação, podemos perceber que o atraso e o descaso com o pagamento da bolsa recorre em todas as casas dos Estudantes...com os nosso Messienses estudantes, guerreiros, lutadores e vitoriosos..agora cabe a nos, classe estudantil organizada, mobilizar e atuar, com a cara limpa, certo de quer estamos reivindicando um direito...
    Queremos estudar e para tanto temos que ter livros, pagar a casa (nosso segundo lar), ter o mínimo de condições de vida digna..que muitas vezes n podemos pedir a nossos pais, n por orgulho, mas por saber que se ele tira um pouco a mais para nos irar faltar em casa...
    Propomos então um ato em protesto aos constantes atrasos no pagamento da bolsa...e lutamos pela regulamentação da mesma...n por luxo, mas por questão de necessidade..muitas vezes a coleção de livros que temos que comprar supera em muito o valor pago pela prefeitura e não podemos comprar a prestação pois não temos a certeza que no fim do mês teremos a bolsa em mãos, alias temos a certeza que não teremos a bolsa em mãos...
    Fica o apelo a prefeitura e demais responsáveis..vamos olhar pela classe estudantil que quando contrariada pode ser chata mas quando reconhecida torna-se um enorme aliado...

    Atenciosamente

    Carlos Alberto
    Diretor de formação política CA de Engenharia de Computação
    Coordenador de Imprensa e Divulgação DCE UFRN
    Conselheiro Administrativo da Residência Universitária - CARU
    Representante da SENCE/RN (Secretaria Nacional de Casa de Estudantes)
    Articulador junto ao FEOP (Fórum dos Estudantes de Origem Popular)

    ResponderExcluir