quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Mossoró, Pau dos Ferros e Caicó são as cidades mais quentes do RN

As diferenças são mínimas, mas pelo menos três cidades poderiam receber o titulo de municípios mais quentes do Rio Grande do Norte. Das cidades que contam com particularidades diferenciadas, duas são da região oeste, Mossoró e Pau dos Ferros e uma da região Seridó, Caicó.

A afirmação parte do climatologista José Espínola, um dos técnicos mais conceituados no estudo do clima semi-árido do mundo.

Espínola, que é professor dos quadros da universidade Federal do Semi-Árido, afirma que a diferença de temperatura entre os municípios do Estado é pequena, mas no caso das citadas, pequenos detalhes fazem com que ocorra um revesamento no topo da lista.

"A diferença é pequena. Com exceção dos municípios litorâneos e serranos, a maioria das cidades potiguares mantém uma média anual de temperatura máxima girando em torno de 38 graus, mas no caso de Mossoró, Pau dos Ferros e Caicó, a temperatura conta com uma sensação térmica diferenciada que as colocam em posição de destaque", destaca o climatologista.

Para José Espínola, a cidade de Mossoró que mantém uma temperatura de pico, média,  girando em torno de 38 graus à sombra, a elevada umidade do ar resulta numa sensação térmica capaz de ampliar em pelo menos três graus ao que poderia ser considerado como normal.

"O que deveria ser 38 graus acaba se transformando numa sensação que chega a 41 graus à sombra, a partir da influência da alta umidade que em Mossoró é favorecida pela proximidade com o litoral", reforça.

A sensação de calor é ampliada nos meses de novembro, dezembro e janeiro, período que antecede o início do período chuvoso no semi-árido.

Desertificação influencia clima em Caicó e Pau dos Ferros

Para as cidades de Caicó e Pau dos Ferros, a explicação se volta para um outro detalhe que gera influências diretas na elevada sensação de calor. Segundo José Espinola, as características de vegetação das duas cidades atua como um agravante para que a sensação de calor se eleve.

"A pouca vegetação destas duas cidades acaba elevando a sensação de calor. As duas cidades sofrem com o elevado nível de desertificação, principalmente a cidade de Caicó, onde é possível verificar verdadeiros desertos com grande extensões", destaca o climatologista.

Segundo Espínola, apesar destas cidades dividirem o topo da lista de cidades mais quentes do Rio Grande do Norte, outras cidades se destacam com climas elevados.

Como exemplos é possível citar as cidades de caso de Apodi, Caraúbas e Campo Grande que mantêm características de vegetação similar.

"O clima das cidades potiguares é muito parecido. No normal o Rio Grande do Norte é um Estado com clima quente. Estamos muito próximos da linha do equador, o que torna o nosso clima particularizado e bastante uniforme", conclui o pesquisador.

Fonte: O Mossoroense via Blog do JP

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário