sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Polícia apreende notas falsas em duas cidades no interior do RN


A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu, no início da tarde desta sexta-feira (9), três comerciantes de rede com sete notas falsas em meio a R$ 3 mil. O fato aconteceu no município de Umarizal, na região Oeste do estado. Já em São Miguel, no alto Oeste, a apreensão foi maior: R$ 8 mil. Todo o dinheiro, segundo a polícia, é falsificado. As notas foram abandonadas dentro de uma casa minutos antes de a polícia chegar para verificar denúncia de uma m movimentação suspeita no local. Investigações tentam descobrir se existe alguma ligação nas duas ocorrências.

No caso de Umarizal, a 334 quilômetros de Natal, o delegado regional Sandro Régios tem total convicção de que, em meio às cédulas, pelo menos sete delas são mesmo falsificadas: quatro de R$ 50 e três de R$ 100. No veículo em que os comerciantes estavam também foi encontrada uma pequena quantidade de maconha. O trio, segundo o delegado, foi autuado por uso de moeda falsa, estelionato e porte de drogas.

Ao G1, o delegado contou que os três viajantes estavam apenas de passagem por Umarizal. Na cidade, eles resolveram parar em um armarinho e compraram uma roupa qualquer no valor de R$ 10. Na saída, pagaram a peça com uma nota de R$ 100. “A dona da loja deu o troco de R$ 90 e ficou desconfiada da cédula. Ela chamou a polícia e nós constatamos que a nota era mesmo falsa”, detalhou Sandro Régis.

Diante do fato, uma viatura saiu em busca dos três homens, sendo localizados em um restaurante. Os policias esperaram que eles terminassem o almoço e fizeram a abordagem. Com os três os policias encontraram o restante do dinheiro e mais algumas notas suspeitas. “Tenho certeza que sete notas são falsas. As demais nos vamos enviar para perícia”, acrescentou o delegado.

Os nomes dos suspeitos não foram revelados. No entanto, um deles, que diz ser natural da cidade de Marília, em São Paulo, afirma morar em Goiás. Os outros dois, que disseram ter nascido na cidade de Souza, na Paraíba, afirmam residir em Brasília.

São Miguel

Em São Miguel, a 444 quilômetros de Natal, a quantia recolhida pela polícia foi de R$ 8,800 em cédulas falsificadas. No montante havia notas de R$ 100 e R$ 20.

As cédulas frias foram abandonadas minutos antes da chegada da polícia, que investigava denúncia sobre uma movimentação estranha numa residência localizada na Travessa Augusto Pinheiro, no bairro Núcleo Manoel Vieira.

A apreensão foi coordenada pelo delegado Andson Rodrigo de Oliveira. A Polícia Civil agora investiga se o trio preso em Umarizal tem algum envolvimento com as notas encontradas em São Miguel.

Fonte: G1

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário