domingo, 5 de agosto de 2012

Pardal marca novamente e ABC vence Paraná


Antes do início da partida entre ABC e Paraná, no estádio Frasqueirão, na noite desse sábado, a notícia que circulava nas arquibancadas do estádio de Ponta Negra era sobre o suposto acerto entra o alvinegro e o América para a cessão da praça esportiva abecedista para o América disputar o segundo turno da série B do Brasileiro. Mas, o presidente do ABC, Rubens Guilherme Dantas fez questão de desmentir a informação. "Essa reunião que estão dizendo, nunca existiu. Não teve acerto nenhum", afirmou o mandatário alvinegro.

Dentro de campo, o ABC confirmou a boa fase dentro da competição, e venceu o Paraná, por 2x0, gols de Adriano Pardal, no primeiro tempo e Elionar Bombinha, na etapa final. Com o resultado, a equipe potiguar chegou aos 20 pontos e subiu duas posições, saindo da 14ª para a 12ª colocação na classificação da série B do Brasileiro. Agora, o ABC volta a campo terça-feira, para enfrentar o Avaí, fora de casa, no estádio da Ressacada.

Mesmo atuando fora de casa, o Paraná começou a partida agredindo o ABC. Logo aos dois minutos, Geraldo lançou Luizinho dentro da área, que se livrou de Leandro Cardoso e ficou livre na frente de Andrey. Mas, o chute do atacante paranista foi errado e passou por cima do da trave alvinegra. Imprimindo uma marcação forte, os visitantes tiveram outra boa chance aos seis minutos, com Geraldo, que apareceu pela esquerda, entrou na área e chutou cruzado, sem perigo. Os donos da casa conseguiram se encontrar em campo e tiveram duas chances seguidas de abrir o placar. 

Aos 13 minutos, Renatinho Potiguar lançou da esquerda e encontrou Éderson, dentro da área. O atacante alvinegro chutou sem deixar a bola cair, assustando o goleiro Luís Carlos. Logo em seguida, Raul lançou Renatinho Potiguar, que invadiu a área, avançou até a linha de fundo e cruzou rasteiro. A bola passou por todos os defensores do Paraná, mas não tinha nenhum atacante do ABC para empurrar para o gol.

A equipe paranista respondeu de imediato. O atacante Geraldo recebeu na entrada da área, se livrou da marcação e chutou forte, quase abrindo o placar. Aos 24 minutos, Jérson tocou para Raul na direita, que cruzou para a área. Éderson pareceu no meio da área, de surpresa e quase consegue marcar. 

De tanto insistir, o ABC foi premiado com o gol aos 34 minutos. Éderson escapou pela direita e cruzou na medida para Adriano Pardal, no meio da área, desviar de cabeça e abrir o placar, marcando seu oitavo gol na competição.

Na volta do intervalo, o Paraná voltou disposto a empatar a partida, marcando forte a saída de bola do ABC e atacando pelas laterais. Em um desses lances, Ricardo Conceição cruzou da direita, Luizinho desviou de cabeça, mas, Andrey estava atento e fez defendeu sem problemas. Na sequência, Leandro Cardoso saiu jogando errado, a bola acabou sobrando para Geraldo, que ficou livre na entrada da área e chutou errado.

A defesa do ABC errava muito e aos sete minutos, Serginho cortou mal, a bola sobrou livre para Luizinho, dentro da área, que chutou. Andrey fez uma grande defesa, impedindo o gol de empate. O alvinegro não conseguia se livrar da marcação paranista e sofria com os ataques do Paraná. Luizinho apareceu livre, mais uma vez, dentro da área chutou forte, mas, a bola passou por cima do gol defendido por Andrey. Insatisfeito com o rendimento do seu ataque, o técnico do ABC, Ademir Fonseca, tirou Éderson e colocou Elionar Bombinha, para ter um jogador com mais presença de área no ataque.

Mas, a pressão do Paraná continuava e Andrey ia se tornando o melhor jogador abecedista em campo, com suas defesas. Aos 17 minutos, Bombinha tratou de tranquilizar os torcedores abecedistas. Pedro Silva tabelou com Raul, invadiu a área e chutou. O goleiro Luís Ricardo espalmou para o meio da área.

A bola ficou livre para Bombinha, que chutou forte, para ampliar o marcador. Aos 24 minutos, Raul lançou Ivan na direita, que invadiu a área e cruzou na medida para Pardal, que desviou, mas a bola saiu. Logo em seguida, Bileu cruzou da direita, a zaga falou e Bombinha chutou forte, para a grande defensa de Luís Ricardo. A pressão, que antes era em cima do ABC, passou a ser em cima do Paraná, que sentiu o segundo gol. 

Mas, mesmo assim, os visitantes buscavam o gol, deixando espaços para os contra-ataques alvinegros, principalmente pela esquerda, com Renatinho Potiguar. Aos 33 minutos, Artur chutou forte, rasteiro, de fora da área, para a grande defesa de Andrey, colocando para escanteio. Na cobrança, Geraldo aproveitou a sobra e chutou forte. O goleiro alvinegro fez outra defesa difícil. No final da partida, o zagueiro Leandro Cardoso foi expulso, pelo segundo cartão amarelo.

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário