terça-feira, 3 de maio de 2011

Delegado Atenderá no Município

Do Blog O Messiense

O bacharel Claiton Pinto, delegado de Polícia Civil, foi designado há poucos dias pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (SESED) para responder pelas Delegacias de Polícia Civil de Caraúbas, Campo Grande, Triunfo Potiguar, Janduís e Messias Targino. Antes, ele já era também o delegado de Polícia titular de Apodi, assim continuando.

Com pouco tempo para se dedicar a uma área de atuação tão grande, Claiton informou ao Blog que pretende agendar atendimentos em cada uma das Delegacias de Polícia das quais está à frente.

Em Messias Targino, o delegado pretende trazer a sua equipe de trabalho (composta por ele, um escrivão de Polícia Civil e ao menos um agente) nas quartas-feiras.

Ele disse que pretende fazer isso ao menos duas ou três vezes dentro de cada mês, para que se evite que, em caso de procedimento a ser feito, o cidadão que precise ser ouvido, por exemplo, tenha que se deslocar até outro Município para tanto. É claro que, havendo urgência e dependendo da gravidade da situação, a forma de trabalho certamente será alterada.

O sargento PM Izídio Lima, que é o comandante do Destacamento de Polícia Militar (DPM) de Messias Targino, continuará trabalhando normalmente nessas funções, o que, aliás, vem fazendo com muita competência, principalmente se forem consideradas as dificuldades de trabalho que ele encontra desde que chegou a Messias Targino, há alguns anos (como pouco efetivo, falta de condições físicas adequadas, etc.).

O delegado Claiton Pinho disse que pretende continuar a receber a colaboração do sargento Izídio, que, ante a falta de um delegado de Polícia Civil mais presente no Município, vem cuidando, em parte, do serviço que é de responsabilidade da polícia de investigação.

É que, até pouco tempo, a Delegacia de Polícia de Messias Targino era de responsabilidade do delegado titular da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC), de Patu, que, por sua vez, responde por mais de uma dezena de Municípios, ficando impossibilitado de fazer um atendimento presencial em Messias Targino, de modo que as pessoas ouvidas em procedimentos de investigação geralmente prestavam depoimentos na sede da 7ª DRPC, de Patu.

É claro que havia exceções à regra, havendo situações em que os procedimentos tinham atos realizados na própria DP de Messias Targino. Mas, em regra, os casos eram encaminhados para a 7ª DPRC.

A Delegacia de Polícia de Messias Targino continua subordinada à 7ª DRPC, mas agora terá um outro delegado (que não o da 7ª DRPC) para lhe ficar à frente.

Atualmente, quem responde pela 7ª DRPC e, automaticamente, por uma enorme quantidade de Municípios, é o delegado de Polícia Civil Getúlio Medeiros, que até pouco tempo estava trabalhando na Delegacia de Polícia de Caicó.

Prefeitura Postulará Reforma do Prédio da Delegacia

A prefeita Shirley Ferreira Targino apresentará à Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED) um pedido de reforma do prédio que abriga a Delegacia de Polícia do Município, localizado na Rua José Pinto.

Segundo a prefeita, não houve qualquer reforma do prédio nos governos de Wilma de Faria e Iberê Ferreira de Souza, havendo a necessidade premente de uma reforma ser realizada no local, pois as condições físicas da DP são por demais precárias.

O prédio que abriga a Delegacia de Polícia de Messias Targino é o mesmo que também acolhe o Destacamento da Polícia Militar (DPM) do Município.

Delegacias Também Abrigam Subunidades Militares

A exemplo de Messias Targino, tem-se uma realidade de muitas décadas em todos os Municípios menores do Estado, onde existem apenas os Destacamentos da Polícia Militar. Ou seja, nos prédios onde funcionam as respectivas Delegacias de Polícia, funcionam também os Destacamentos da PM.

E, mesmo onde onde existem Pelotões da Polícia Militar, como Almino Afonso, Umarizal e Barra de Maxaranguape, por exemplo, estes têm funcionando nos mesmos prédios onde também funcionam as Delegacias de Polícia.

Até mesmo uma Companhia de Polícia Militar instalada em Campo Grande ainda funciona no mesmo prédio onde também está instalada a Delegacia de Polícia do Município. É como se a Companhia tivesse sido criada (em governo anterior) mas não tivesse sido efetivamente instalada.

Ainda existem os casos em que as Delegacias de Polícia simplesmente deixaram de fazer parte da realidade local. É o caso de Major Sales, em que no local onde antes funcionavam concomitantemente o Destacamento da PM e a Delegacia de Polícia, agora somente funciona o DPM.

Por lá, o delegado titular da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC), de Pau dos Ferros, é quem responde pelo Município, e todos os procedimentos são encaminhados para serem feitos na sede da 4ª DRPC.

Fonte: Blog O Messiense

Gostou da Postagem?

0 comentários:

Postar um comentário